Restauração do violão – Fábrica Gaúcha de Instrumentos de Corda

Esta é a restauração de um violão construído pela antiga Fábrica Gaúcha de Instrumentos de Cordas, este violão chegou em minha oficina neste estado que as fotos mostram, mas percebi assim que o vi, que embaixo do monte de problemas, ele era um bom instrumento.

 Só soube da existência da “Fábrica Gaúcha” há pouco tempo, gostaria de saber mais sobre ela, mas infelizmente tenho poucas informações.

Em sua etiqueta tem o nome de Jacir S. Bungi, não sei se era o nome do dono da fábrica, ou se era o nome do luthier que construía os instrumentos

Pelo que percebi os instrumentos eram bem baseados nos antigos Del Vecchio, tive algumas informações de que a fábrica queria produzir instrumentos mais acessíveis, mas até hoje, os instrumentos que tive a oportunidade de restaurar, eram de uma boa qualidade, e tinham uma coisa que falta em muitos instrumentos da atualidade, que é a facilidade de ser tocado e regulado, um instrumento extremamente macio, bom grave, e notas claras em toda a extensão da escala.
 Haviam diversos problemas para serem resolvidos neste violão, paleta quebrada em várias partes e cheia de pregos, arranhões profundos, lateral quebrada em grande extensão, roseta faltando pedaço, trastes oxidados, poeira por dentro e por fora, mas, apesar de tudo isso, o verniz do tampo estava em ótimo estado e juntamente com o dono do instrumento, tomamos a decisão de preservá-lo para dar um ar mais original e para que o instrumento não parecesse saído de uma fábrica atual, mantendo assim sua beleza antiga.  
 Veja abaixo as fotos da restauração que fiz.

  

Se você tiver informações sobre a “Fábrica Gaúcha de Instrumentos de Corda”, por favor envie para o meu e-mail, joelsonluthier@gmail.com, gostaria de saber em que ano está fábrica começou suas atividades e em que ano ela fechou.